Dicas Culturais

Escritores apresentam textos sobre “Periferias Urbanas” na quarta-feira (6/7)

Comunidade do Conto

 

Projeto reunirá autores da Associação Cultural Literatura no Brasil (ACLB) a partir das 19 horas na Sala de Teatro da companhia “Atores Insanos”, abrigada na Faculdade Piaget (Av. Mogi das Cruzes, 1.001, Jardim Imperador, em Suzano)

 

Os escritores da Associação Cultural Literatura no Brasil (ACLB) voltam a se reunir em torno do Comunidade do Conto. Desta vez, para apresentar suas produções literárias sobre “Periferias Urbanas”, tema abordado na edição de junho do projeto pela antropóloga Érica Peçanha do Nascimento. O encontro será na quarta-feira (6 de julho) a partir das 19 horas, na Sala de Teatro da companhia “Atores InSanos”, abrigada na Faculdade Piaget (Av. Mogi das Cruzes, 1.001, Jardim Imperador, em Suzano). A entrada é gratuita e aberta a todos os interessados.

 

Na ocasião, também será feita a distribuição da segunda edição do fanzine “Vasto”, que reunirá obras de seis autores produzidas no encontro mediado pelo professor universitário e mestre em Educação, Marco Aurélio Pinheiro Maida, que debateu o tema “A desconstrução do sagrado: das impossibilidades de narrar o mistério”.

 

A iniciativa contará ainda com a participação do escritor Escobar Franelas, de São Miguel Paulista, membro do projeto Casa Amarela, e do escritor Rodrigo Ciríaco, que reforçarão as discussões sobre o tema proposto.

 

Realizado toda primeira quarta-feira do mês, o projeto Comunidade do Conto foi inspirado no Clube do Conto, da Paraíba, e tem por objetivo promover o aprimoramento da técnica literária.

 

O escritor suzanense, membro-fundador da ACLB e responsável pelo projeto, Ademiro Alves, o Sacolinha, destaca que o intercâmbio cultural proporcionado pelo projeto aos autores é o principal combustível da atividade literária desenvolvida pela ACLB:

 

“Essa troca de ideias e de experiências enriquece nossas produções e favorece o aperfeiçoamento de nosso trabalho. Somente ouvindo e aceitando críticas é possível evoluir”, ressalta.

Os comentários estão fechados.

Copyright 2012 .: Walmir Cultura :. | Todos os direitos reservados