Destaques

Secretaria de Cultura de SP abre inscrições para o programa Jovem Monitor/a Cultural 2017

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), divulga a abertura do edital para o cadastro reserva do Programa Jovem Monitor/a Cultural em 2017. As inscrições serão do dia 23 de dezembro de 2016 a 23 de janeiro de 2017 para jovens de 18 a 29 anos interessados/as em atuar nos espaços culturais e departamentos da SMC

Serão oferecidas 300 vagas para jovens monitores/as culturais distribuídas em 96 espaços da cidade, como centros culturais, casas de cultura, teatros, bibliotecas, museu, arquivo histórico, e departamentos da Secretaria.   
  
A formação combinada proposta pelo Programa é de 30 horas semanais divididas da seguinte forma: 6h de formação teórica, às segundas-feiras, com reflexões relativas à área da cultura, às juventudes e à diversidade, e, nos outros dias, 24h de formação prática no espaço cultural, participando do seu dia a dia, das atividades e do funcionamento. A bolsa-auxílio é no valor de R$ 1.000,00 somada ao auxílio-refeição e ao bilhete único mensal integrado entre ônibus e metrô.

Os requisitos para participar são:
- Ter entre 18 e 29 anos
- Ter concluído o Ensino Médio;
- Morar na cidade de São Paulo há pelo menos um ano;
- Pertencer, prioritariamente, à família de baixa renda;
- Residir na região da subprefeitura do espaço cultural que deseja atuar ou nas subprefeituras vizinhas.

Para acessar o edital e fazer inscrição, acesse aqui o site oficial do programa.

Sobre o Programa Jovem Monitor/a Cultural 
Instituído pela Lei 14.968/09 e regulamentado pelo Decreto 51.121/09, Jovem Monitor/a Cultural é um programa de formação e experimentação profissional em gestão cultural para as juventudes realizado pela Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, por meio de convênio com a Ação Educativa e com o Instituto Pólis.

O programa promove uma formação combinada para que os/as jovens ampliem seu repertório e experimentem, na prática, os aspectos da gestão cultural. Além disso, contam com uma perspectiva teórica sobre questões que envolvem as juventudes e as manifestações culturais, o direito à cidade, as questões étnico-raciais e de gênero e a participação na transformação da sociedade.

Os/as jovens monitores/as atuam em espaços da Secretaria Municipal de Cultura como teatros, casas de cultura, bibliotecas, museus, centros culturais e departamentos da Secretaria. Nos últimos quatro anos, 770 jovens participaram do programa, em todas as regiões de São Paulo – do centro às periferias –  e puderam exercer seus direitos e construir uma das principais políticas públicas voltadas exclusivamente para as juventudes.jovem_monitor

Deixe uma resposta

Copyright 2012 .: Walmir Cultura :. | Todos os direitos reservados